29.9.09

Boas notícias

Acupuntura ajuda a eliminar celulite e gordura localizada


Aqueles furinhos indesejados no bumbum e nas coxas, mais conhecidos como celulites, e a gordurinha localizada são dois dos principais vilões das mulheres. Especialmente quando o verão está chegando e o desejo de ficar com um corpo impecável atinge 11 em cada dez mulheres. Muitos tratamentos estéticos são procurados para combater esses incômodos, mas um deles vem crescendo consideravelmente: a acupuntura.

A técnica milenar chinesa está ganhando mais adeptos para tratamentos na área estética, já que os resultados são bem eficazes. O tratamento que combate a celulite e gordura localizada é conhecido como eletroacupuntura e atua renovando as células e eliminando gorduras e toxinas do corpo. "As agulhas são presas por eletrodos que emitem estímulos suaves e indolores na musculatura. Esses estímulos atuam promovendo a lipólise, ou seja, a autodestruição da gordura", disse a médica estética e acupunturista Elaine Monteiro.

Para obter resultados satisfatórios é necessário que a paciente faça no mínimo dez sessões de eletroacupuntura, que devem ser realizadas duas vezes por semana. Porém, para a psicóloga Helena Araújo, 49 anos, o tratamento apresentou efeito logo na primeira sessão. "Perdi três centímetros na barriga, fiquei muito feliz com o resultado". O efeito foi tão satisfatório que ela decidiu continuar com as sessões durante oito meses, o que lhe rendeu uma barriga bem definida e um enrijecimento dos músculos.

Para Helena, o grande diferencial da acupuntura, comparada com outros tratamentos estéticos, é que ela trabalha a pessoa como um todo, e não apenas uma parte do corpo. Além disso, segundo ela, não existem efeitos colaterais e não prejudica o organismo "O método busca colocar o corpo todo em equilíbrio. Com isso, a pessoa fica mais saudável e eleva sua autoestima", disse a acupunturista.

Porém, é bom lembrar que não existem milagres. Como todo tratamento estético, ela deve ser combinada com hábitos saudáveis, como alimentação equilibrada e exercícios físicos, para conseguir atingir efeitos mais rápidos e duradouros. "Pela visão da medicina tradicional chinesa, a celulite é provocada por acúmulo de umidade provocada por nossos maus hábitos".

Envelhecimento facial

Além de eliminar celulite e gordura localizada, a acupuntura estética também é eficiente no combate ao envelhecimento facial e em casos de acne, vitiligo e dermatite. O método é semelhante ao usado na eliminação da celulite, porém as agulhas são menores e específicas para a área do rosto.

Helena também experimentou essa técnica na face e conta que teve bons resultados. "De imediato você percebe um preenchimento natural, parecido com um botox. A pele fica bem luminosa, rejuvenesce bastante. Eu também tinha algumas manchas no rosto e elas desapareceram".

Segundo a acupunturista, isso acontece porque a técnica melhora a oxigenação do tecido facial, promovendo uma hidratação melhor do rosto, diminuindo a oleosidade e a redução de rugas, deixando a pele com uma aparência mais jovem.

Fonte: Terra

Bolo de Amaranto com quinua e vegetais

Falando em amaranto, encontrei essa receita super nutritiva da Mariana Braga Neves - nutricionista e responsável pelas dietas da Nutrício.

Ainda acho que deveria se chamar torta de amaranto, porque é salgada e tem jeitão de torta...

Ingredientes

• 1 ovo
• 4 colheres de sopa de azeite
• 1 cebola ralada
• 1 tomate picado
• salsinha/cebolinha/orégano
• 1 cenoura cozida e amassada
• 1 xícara de chá de brócolis cozido, picado
• ½ xícara de chá de quinua
• 1 colher de sopa de fermento em pó
• 1 xícara de flocos de amaranto
• 1/4 de xícara de leite desnatado
• 1 latinha de atum em água


Modo de preparo


Misture todos os ingredientes e coloque em uma assadeira untada. Asse até que o bolo fique corado.

28.9.09

Amaranto, grão que reduz o colesterol !


O amaranto, também conhecido como feijão dos Andes, é altamente nutritivo e um excelente redutor dos níveis de colesterol total do sangue. Essa redução acontece devido a sua fração protéica que, ao ser digerida, inibe a enzima responsável pelo acúmulo de colesterol no organismo. Rico também em proteínas e fibras, o amaranto tem rutina, um poderoso antioxidante.

O amaranto é ainda fonte de fibras, zinco, fósforo e cálcio biodisponível (pronto para ser assimilado pelo organismo), outro fato incomum nos vegetais. Ele também não contém glúten ou outras substâncias alergênicas em sua composição, o que o torna uma opção para os celíacos – pessoas com intolerância ao glúten.

O mais interessante é que o amaranto pode ser utilizado como alimento desde a fase inicial da planta. As folhas e os botões das flores podem ser consumidos como brócolis.

Já o grão pode ser apreciado de várias formas: cozido em água e depois temperado como salada, cozido da mesma forma que se faz o arroz, em sopas, em molhos. Já a farinha pode ser empregada na elaboração de mingaus, pães, pudins, panquecas, biscoitos e bebidas.


24.9.09

Atoladinho de bacalhau

Esse receita é das delícias de boteco. É fácil de fazer, e fica demais!!

Ingredientes

500g de mandioquinha
sal a gosto
pimenta do reino a gosto
1/2 caixa de creme de leite
200g de bacalhau sem sal e desfiado
1/2 cebola picada
1 colher (sopa) de azeite
8 azeitonas pretas picadas
1 colher (sopa) de salsinha picada
3 colheres (sopa) de requeijão
2 colheres (sopa) de creme de leite sem soro
sal e pimenta do reino a gosto

Modo de Preparo

Cozinhe a mandioquinha e fazer um creme com os outros ingredientes
Coloque o bacalhau para dessalgar por 24 horas (troque a água de 3 a 4 vezes ao dia e sob refrigeração)
Refogue a cebola com o azeite, acrescente o bacalhau e deixe um pouquinho.
Desligue o fogo e acrescente a azeitona e a salsinha.
Reserve
Para o creme, misture todos os ingredientes até que forme um creme homogêneo.
Misture o creme ao bacalhau.

Fonte: Terra culinária
Atol Bar (Atol ladinha)
Ed

A verdade sobre o sódio



O grande vilão do momento é importante para nosso organismo, mas só é benéfico se consumido em pequenas quantidades.

Pra começo de conversa: sal e sódio não são a mesma coisa. O sal de cozinha é composto por 40% de sódio e 60% de cloreto. Mas não é apenas no sal que o sódio está.
Por ser um dos conservantes mais utilizados pela indústria alimentícia, ele está presente em diversos alimentos industrializados, como macarrões instantâneos, embutidos e molhos prontos.

O problema é que o excesso da substância pode levar a retenção hídrica – favorece o aparecimento da celulite e da hipertensão arterial –, inchaço e desidratação – pode deixar a pele ressecada e flácida. Em casos mais graves, problemas renais e cardiocirculatórios também são causados pelo excesso de sódio.

Um adulto sadio não deve ultrapassar o consumo diário de 1.600 a 2.400 mg de sódio, o que equivale de 4 a 6 gramas de sal de cozinha (de 2 a 3 colheres de café). “Pessoas com hipertensão arterial, insuficiência renal e cardíacos devem consumir no máximo 2 a 4 gramas de sal ao dia,” alerta a nutricionista de São Paulo, Roseli Rossi.
Fique atento nos rótulos dos produtos, pois na conta deste total diário entra o sódio inserido em alimentos industrializados. Um tablete de caldo de carne, por exemplo, possui 2.080 mg de sódio.

A nutricionista Roseli Rossi dá dicas para reduzir o consumo de sal na sua dieta:

1- Abuse das ervas – você vai sentir menos falta do gosto do sal. Dê preferência para os temperos naturais como: alho, cebola, salsinha, açafrão, pimenta, cominho, manjericão, louro, alecrim, sálvia, orégano, louro, gergelim, cravo da índia, cebolinha, estragão, noz moscada, manjerona, suco de limão, páprica, pimentão, tomilho, vinho, vinagre e azeite de oliva.
2- Se não tiver jeito, prefira o sal light, pois ele tem redução de sódio.
3- Não coloque o sal na mesa. A tentação de acrescentar mais do que o necessário é grande.
4- Nos restaurantes, prefira pratos que ainda não estejam temperados.
5- Acostume-se a comer salada sem sal. Mais uma vez, é só usar temperos saborosos.
6-Evite ao máximo os alimentos industrializados, enlatados, processados e temperos prontos.

18.9.09

Graviola pode ajudar a tratar câncer de pulmão



Substância presente na fruta inibe a formação e proliferação de tumores

Estudos realizados pelo Health Sciences Institute (Instituto de Ciências e Saúde dos Estados Unidos) revelam que a graviola tem ação citotóxica em células cancerígenas, principalmente as que se localizam no pulmão, ou seja, são capazes de inibir a formação de tumores nessa região.

Pesquisadores afirmam que a ação de um acetogenino presente na fruta tem efeito citotóxico dez vezes superior ao efeito da droga quimioterápica adriamicina. Segundo eles, isso se dá porque o acetogenino é um dos mais eficazes inibidores do Complexo I, responsável pela formação e transporte de elétrons, que fazem parte da composição de tumores.

Diversos estudos têm sido realizados para comprovar a eficácia da ingestão da fruta no combate de outros tipos de câncer, como o de mama, mas até agora, sua ação só foi comprovada no combate do câncer de pulmão.

Os pesquisadores esperam que o tratamento auxiliar, a base da fruta amazônica, possa se tornar realidade em todos os centros de combate a doença, pois, segundo eles, é um tratamento menos nocivo e bastante eficaz.



Fonte:http://yahoo.minhavida.com.br

16.9.09

Ajude seu intestino a funcionar bem


O Dr. Filippo Pedrinola explica como funciona a sua digestão e dá dicas para que seu organismo entre na linha

No intestino humano vivem cerca de 3 trilhões de bactérias sendo que, entre elas, existem as "boas" e as "más", que vivem em equilíbrio num organismo saudável. Porém, em algumas situações especiais, as bactérias "más" conseguem proliferar mais e podem desencadear doenças.

Essas situações especiais podem ser doenças ou tratamentos com antibióticos, outros medicamentos, dietas ou cirurgias. O termo probiótico significa "para a vida" e foi inicialmente definido por Fuller, em 1989, como organismos vivos que, ao serem ingeridos, produzem efeitos benéficos à flora bacteriana intestinal e, conseqüentemente, para a saúde do ser humano.

Os prebióticos nutrem as "boas" bactérias (probióticas) e fazem parte de alimentos não digeríveis (fibras).

Como atuam as bactérias probióticas

Combatem a proliferação das "más" bactérias ou também chamadas de patogênicas, sendo que os probióticos mais conhecidos são os lactobacilos e as bifidobactérias. Devem ser de origem humana e ter a capacidade de aderir à mucosa intestinal onde não irão se multiplicar. Além disso, devem resistir ao tempo entre a fabricação, comercialização e ingestão do produto de modo que cheguem ao intestino vivos.

Onde se encontram?

Os probióticos estão presentes em produtos industrializados disponíveis no mercado como iogurtes, leites fermentados com lactobacilos, tabletes, cápsulas, suplementos de leveduras ou em pó. Os prebióticos se encontram na banana, cebola, alcachofra, aspargos, soja, cevada, alho, tomate, centeio, aveia, trigo e mel.

Quais são seus benefícios?

Combatem a diarréia, através da produção de substâncias anti-microbianas que inibem o crescimento das más bactérias.
Aliviam sintomas relacionados a alergia alimentares limitando a absorção de substâncias alergênicas.

Melhoram a digestão por secretarem enzimas que interferem na digestão de proteínas , carboídratos e gorduras e também melhoram a absorção e síntese de algumas vitaminas.

Alguns estudos mostram redução no risco de câncer.
Previnem inflamações gástro-intestinais através dos lactobacilos
Diminuem a absorção de colesterol em excesso.

Além de pró e pré- bióticos, o que mais podemos fazer para melhorar o funcionamento do intestino?


A prática de exercícios físicos regulares, pelo menos 3 vezes por semana, e o consumo de fibras alimentares são hábitos muito importantes. O ideal seria consumir pelo menos 25 a 30mg de fibras por dia, sendo que os alimentos mais ricos são: cereais integrais, frutas (com casca, quando possível), verduras, legumas e grãos. Não se esqueça de que as fibras só vão funcionar se você ingerir bastante líquido (aproximadamente 2 a 3 litros por dia).

Filippo Pedrinola é endocrinologista, formado pela Faculdade de Medicina da USP, diretor médico do The Balance Spa Punta Del Este e membro da American Thyroid Association Endocrine Society , da Associação Brasileira de Endocrinologia e Metabologia (SBEM) e Associação Brasileira de Estudos sobre Obesidade (ABESO).

Fonte: itodas.uol - Corpo e Dieta

14.9.09

Varenikes


Este delicioso prato tradicional judaico (pronuncia-se varêniques) tem origem na Polônia/Rússia.
São pastéizinhos cozidos de batata que lembram raviolis.Tava lendo uma matéria da AK Delicatessen, da Andrea Kaufmann e no restaurante dela serve-se o Varenikes com Rabada.Deve ser muito bom...


Dificuldade: Fácil
Tempo de Preparo: 45 min

Ingredientes

1 kg de farinha de trigo
2 ovos
1 copo de água morna
1 colher de chá de sal

Recheio

1 kg de batatas cozidas amassadas (purê)
4 colheres de sopa de óleo de milho ou de soja
½ kg de cebola branca batidinha
sal e pimenta-do-reino a gosto

Modo de Preparo


1- Em uma superfície lisa, faça um montinho com a farinha com uma cova no meio e coloque os ovos, a água morna e o sal. Misture tudo e trabalhe a massa durante aproximadamente 10 minutos, amassando com força com a base das mãos. A massa deve soltar das mãos e ficar com uma consistência semelhante da massa tradicional italiana. Se ela ficar pegajosa, salpique mais farinha de trigo até chegar o ponto desejado.

2- Abra a massa com um rolo de macarrão. A massa deve ficar fina, perto de uns 2 milímetros de espessura. Corte com a ajuda de um copo e espalhe em uma superfície lisa. Abra novamente os pedaços que sobraram e corte com um copo. Reserve.

3- Para preparar o recheio, esquente 4 colheres de sopa de óleo de milho e refogue a cebolinha picadinha. doure um pouco até murchar sem mudar de cor. Deixe esfriar um pouco, coloque a batata transformada em purê, misture tudo com as mãos coloque o sal e a pimenta.

4- Coloque um pouco do recheio (aproximadamente 1 colher de sobremesa) em cada círculo da massa, depois dobre juntando as pontas. Force com os dedos para grudar bem cada raviolão que ficam em forma de meia lua.

5-Esquente bastante água com sal para cozinhar os varenikes e vá retirando os que subirem para a superfície utilizando uma escumadeira.

Sirva com cebola frita e bem douradinha.

Empadão de brócolis

Na era do vegetarianismo, veja que receita ótima para os adeptos.

Ingredientes

250 g de farinha de trigo integral
250 g de farinha de trigo comum
1 colher (sobremesa) de fermento
1 colher (café) de sal
1 colher (sopa) de azeite de oliva
água (para dar liga)
1 colher (sopa) de maisena
2 molhos de brócolis
1 copo de requeijão
1 1/2 copo de leite

Modo de Preparo

Misture as farinhas, o sal e o fermento. Acrescente o azeite de oliva e vá colocando água até a massa soltar da mão. Forre uma forma ou vasilha refratária com esta massa. Lave o brócolis, pique-o e cozinhe em água e sal, sem deixar amarelar. Escorra o brócolis e refogue-o rapidamente no alho e azeite. Acrescente ao brócolis um copo de leite e uma colher de maisena. Engrosse. Recheie o empadão e cubra com o copo de requeijão batido no liquidificador com um pouco de leite. Leve ao forno para assar.

Fonte: Terra culinária
Receita de Maria Luiza Pitanga do restaurante Fontes
Ed

Feijão Tropeiro

Cresci comendo alguns pratos típicos mineiros deliciosos e quando bate uma vontade, corro pra casa da minha mãe pra matar a saudade.O Feijão Tropeiro é um deles.

Abaixo segue uma receita muito boa deste prato.

Ingredientes

1kg de feijão já cozido al dente
1/2kg de carne seca, dessalgada em cubos
1/2kg de linguiça calabresa cortada em cubos
1/2kg de bacon cortado em cubos
1 maço de couve cortada bem fininha
2 cebolas cortadas em cubos
1 cabeça pequena de alho amassada
2 ovos cozidos picados
3 folhas de louro
salsinha e cebolinha verde picados
pimenta do reino a gosto
sal a gosto
farinha de mandioca torrada à gosto

Preparo

1- Lave o feijão, coloque-o numa panela de pressão com 1 litro de água e leve ao fogo por 30 minutos, sem deixar que cozinhe demais(os grãos devem ficar inteiros e mais duros do que de costume).

2- Retire da panela e coe imediatamente, para interromper o cozimento. Reserve.

3- Pique a linguiça, coloque-a numa frigideira e refogue, para que frite em sua própria gordura. Reserve.

4- Limpe, lave e seque as folhas de couve. Sobreponha as folhas, enrole e corte em tiras bem finas. Coloque na mesma panela em que foi preparada a linguiça e refogue. Acerte o sal e reserve.
5- Numa frigideira frite o bacon, a carne seca, a cebola e o alho e mexa até a cebola dourar. Acrescente a farinha de mandioca, misture e, sem parar de mexer, deixe torrar.

6- Adicione o feijão, a linguiça e a couve e misture. Coloque a cebolinha, acerte o sal e deixe no fogo por mais 2 minutos, mexendo sempre.

7- Transfira para uma cumbuca ou travessa. Se preferir, enfeite com ovos cozidos e misture-os delicadamente com os demais ingredientes.

13.9.09

Chá de Hibisco emagrece 5k em 1 mês!


Bebida deve ser ingerida quatro vezes ao dia e ser aliada a dieta


Enquanto os cientistas não inventam uma pílula que seque os quilos extras instantaneamente, o jeito é continuar a fazer dieta. Ainda bem que uma planta pode ajudar, e muito, nesta tarefa.

O chá da flor de hibisco, combinado a uma alimentação saudável, pode eliminar até cinco quilos em apenas um mês. “A bebida auxilia na redução de gordura, na digestão, regulariza o intestino e ainda combate a retenção de líquidos, o que facilita o emagrecimento”, explica a nutricionista e fitoterapeuta Vanderli Marchiori, de São Paulo.

Além disso, a bebida é muito rica em flavonóides, uma poderosa substância antioxidante, que combate os radicais livres, protegendo o coração de doenças e a pele do envelhecimento.

Onde encontrar e como tomar


Para aproveitar as propriedades, consuma o chá de hibisco quatro vezes ao dia, sempre entre as refeições. O produto pode ser comprado desidratado em lojas especializadas e também em alguns supermercados. Não há contra-indicações ou efeitos colaterais. Porém, mulheres grávidas e que amamentam devem consultar um médico. Faça também uma alimentação balanceada, como a dieta proposta pela nutricionista Roseli Ueno. “Só é possível emagrecer e manter-se magra com reeducação alimentar”, diz Roseli. Siga o cardápio até atingir o peso desejado.

Como fazer o chá

Prepare a bebida na proporção de uma colher de sopa cheia de hibisco para um litro de água. Ferva por cinco minutos.
Depois, abafe o líquido por mais dez minutos e coe. Pode ser tomada quente ou fria.

A nutricionista Neide Rigo, de São Paulo, ensina a incrementar o chá.
Ferva, em 1 litro de água, 5 ou 6 hibiscos desidratados, 3 rodelas de maçã, 1 canela em pau e 2 cravos-da-índia por três minutos.

Dicas dos nutricionistas

- Evite usar muito sal. Esse tempero contribui para o corpo reter líquido. Use ervas e especiarias como orégano, salsa e alecrim.

- Não abuse de carboidratos refinados (arroz branco, pão, macarrão e biscoito feitos com farinha branca). Prefira as versões integrais, que garantem saciedade por mais tempo.

- Tome o chá entre as refeições, principalmente na hora que bater aquela vontade de atacar a geladeira. A bebida engana a fome!

- Diferentemente do chá verde, a infusão da flor é saborosa. Tente ingeri-la sem adoçar. Não consegue? Ponha pequenas quantidades de mel ou de açúcar mascavo.

12.9.09

Bolo Brigadeiro sem farinha?


É isso mesmo, esta receita é incrível!
Muito fácil, daquelas que você põe tudo no liquidificador e pronto!

Vocês não vão querer outra receita pois o resultado é um bolo aerado e muito gostoso!( clique na foto pra ampliar!)

Ingredientes

7 ovos inteiros
3 colheres ( sopa) de óleo
7 colheres ( sopa) de açucar
1 colher( sopa) de fermento em pó
10 colheres ( sopa) de Nescau
3 colheres ( sopa) de margarina sem sal
50 grs de côco ralado Socôco

Preparo

- Bater tudo no liquidificador por uns 5 minutos.

- Unte uma fôrma com margarina e farinha de trigo e leve ao forno médio por uns 45 minutos. Faça o teste do palito, se sair sequinho o bolo estará assado.


Cobertura
1 lata de leite moça ( use-a como medida para o item a seguir)
Meia lata de leite comum
5 colheres de sopa de Nescau
1 colher de sopa de margarina
Leve tudo ao fogo baixo, até engrossar e cubra o bolo. Se quiser salpique chocolate granulado.
Dica: Fiz metade da receita da cobertura e foi suficiente.

11.9.09

O sabor do Pequi

Sugerido pelo nosso querido amigo Reinaldo, o qual chamamos de Rei, resolvemos abraçar a idéia e abrir um tópico aqui no Blog pra falar um pouco dos Sabores do Brasil.

Hoje vamos conhecer um pouco sobre o Pequi.
Como sou filha de mineiros conheço esse fruto desde pequenininha quando ia pra casa da minha avó.
Quando meus parentes vão pra lá é muito fácil encontrar e trazer o pequi em forma de óleo.
Sempre tem um pouquinho em casa e fica muito gostoso misturado no arroz branco.
Sabor e aroma sem igual, aqui do nosso querido Brasil.



Pertencente à família Caryocaraceae, o pequi é uma espécie vegetal de grande valor econômico para o sistema dos Cerrados. Nesse ambiente, é registrada a ocorrência de duas espécies: Caryocar brasiliense e Caryocar glabrum.

A primeira espécie ocorre com mais frequência do centro-sul de Goiás ao Mato Grosso do Sul, as plantas atingem até seis metros de altura, têm folhas largas e frutos arredondados de até dez centímetros de diâmetro.

A segunda espécie é mais frequente na bacia do médio Rio Tocantins e na vertente oeste do Rio São Francisco (oeste da Bahia, oeste e norte de Minas Gerais). A planta é maior que a primeira espécie e os frutos também.

Em ambas, a castanha é recoberta por um invólucro rico em espinhos pretos e finos. O invólucro é revestido por uma polpa amarelada (às vezes mais esbranquiçada), pastosa, farinácea, oleaginosa e rica em vitamina A e proteínas.

O pequi é rico em vitaminas A, C e E, em sais minerais (fósforo, potássio e magnésio) e em carotenoides, que previnem tumores e o desenvolvimento de doenças cardiovasculares. A castanha do pequi é rica em zinco e iodo. Também contém cálcio, ferro e manganês e costuma ser utilizada na indústria de cosméticos para a produção de sabonetes e cremes feitos para fortalecer a pele.

As populações indígenas e caboclas (neobrasileiras) têm utilizado o pequi de diversas maneiras: produção de óleo comestível, preparo de pratos e fabricação de licores e sabões.

4.9.09

Minha primeira lasanha de Abobrinha!



Conforme prometido,voltei pra contar que fiz essa belezinha aqui em casa hoje.
Segui a receita da lasanha de vegetais do
post anterior, mas fiz algumas alterações.Só coloquei abobrinha em rodelas,mussarela e ricota fresca no meio,além da massa
pra lasanha, não coloquei outros legumes.

Finalizei com uma camada de mussarela e
queijo parmesão ralado e gratinei.
Preciso dizer se ficou boa?
Aprovadíssima aqui em casa, vale a pena fazer!

Lasanha de vegetais bem simples!

Estou há dias sem passar por aqui, sei que tenho sobrecarregado meu amigo Ed , abandonando-o no Blog, mas essa semana foi bem atarefada pra mim.

Hoje é sexta, dia de uma comidinha fácil, pra não ficar muito tempo cozinhando, apesar de adorar, mas sei que também é muito bom ter um tempo pra fazer muitas outras cositas.E hoje não será diferente, vou fazer zilhões de coisas...

Tenho umas abobrinhas na geladeira e me bateu uma vontade imensa de fazer uma lasanha com elas.Comprei massa pra lasanha, mussarela, parmesão e tomates e fui em busca de uma receita bem simples e gostosa..A minha não vai ficar tão variada como esta, mas vou me inspirar nesta receita e criar a minha.

Achei esse site bem legal, vou deixar a receita deles por aqui e os créditos, pois achei muito boa.
Depois volto aqui pra mostrar como ficou a minha versão, um pouquinho mais básica.
Bom fim de semana pra vcs!
Má.
Ingredientes

Legumes


400g de Abobrinha
4 Tomates
400g de Abóbora
400 g de Berinjela
Azeite à gosto
Ervas frescas à gosto
Sal e pimenta à gosto

Massa
400 g de Tiras de massa seca para lasanha

Molho


4 dentes de Alho
Azeite à gosto
400 g de Tomate em conserva
Sal e pimenta à gosto

Preparo

1-Corte as abobrinhas, os tomates, a abóbora e a berinjela em rodelas.
2- Coloque-as em uma placa untada com azeite, espalhe ervas frescas e tempere com sal e pimenta. Cozinhe no forno por alguns minutos.
3-Prepare o molho: coloque alho bem picado em uma frigideira com azeite quente e refogue. Acrescente o tomate em conserva amassado e cozinhe por alguns minutos. Tempere com sal, pimenta e depois passe no processador.
4- Coloque a massa na água fervendo com sal até ficar cozida al dente. Retire e coloque sobre um pano de prato.
5-Monte a lasanha colocando em um pirex um pouco de molho as tiras de massa cozida e uma camada de berinjela.
6- Cubra novamente com tiras de massa cozida e coloque uma camada de abóbora. Continue do mesmo modo com os tomates e as abobrinhas até completar a altura da travessa.
7- Por último complete com tiras de massa e cubra com o molho de tomate.
Rende 4 porções.

2.9.09

Vitamina C seca-gordura

Pesquisa americana comprova:

Uma dieta rica em vitamina C faz o organismo queimar até 30% mais gordura por dia. Em uma semana, você pode enxugar 3 kg fácil, fácil!

Se você comer pelo menos três porções de fruta por dia irá, com certeza, ingerir o necessário

Basta os sintomas da gripe aparecerem para nos lembrarmos da importância da vitamina C. Afinal, o ácido ascórbico - nome mais formal desse popular nutriente - é primordial para manter o corpo saudável.

Pois uma pesquisa da Arizona State University (Universidade do Estado do Arizona), nos Estados Unidos, foi além e descobriu outra faceta dessa poderosa vitamina: acelerar o emagrecimento. O estudo acompanhou dois grupos - um seguiu uma dieta rica em vitamina C; o outro, uma alimentação com quantidade insuficiente do nutriente. Resultado: as pessoas do primeiro grupo queimaram 30% mais gordura por dia!

Vitamina C + dieta = sucesso!

Segundo a nutricionista Vivian Goldberger, do Emagrecentro, de São Paulo, a vitamina C participa da produção da carnitina, uma molécula que combate o acúmulo de gordura. Por isso que apostar em alimentos que fornecem a substância (laranja, acerola, morango...) é tiro e queda contra os pneuzinhos. A nutricionista sugere um programa inicial para você seguir por apenas uma semana e eliminar até 3 kg. Após esse período, invista num cardápio saudável e consulte a tabela para garantir a sua cota diária de vitamina C e um corpão também!

Mais benefícios

1 - Fortalece as defesas do corpo. "A vitamina C aumenta a produção de leucócitos, as células responsáveis pela defesa do nosso organismo', explica a nutricionista.

2 - Adia o aparecimento das rugas. Como é uma substância altamente antioxidante, combate os radicais livres, um dos principais causadores do envelhecimento.

3 - Previne contra o câncer. O poder antioxidante também inibe o desenvolvimento de alguns tipos de tumores.

4 - Contribui para pulmões saudáveis. Um estudo da Universidade de Nottingham, na Inglaterra, mostrou que a vitamina C afasta a asma.

5 - Contribui para uma pele firme. O nutriente participa da produção de colágeno, a proteína que dá firmeza à pele.

6 - Deixa os cabelos bonitos. A vitamina revitaliza e dá elasticidade aos fios.

Cardápio rápido: -3 kg em apenas 1 semana

Com este cardápio rico em vityamina C, você pode eliminar até 3 kg em apenas 1 semana

Segunda-feira

Café da manhã

1 fatia de melão + 1 fatia de pão integral com 2 colheres (chá) de requeijão light + 1 xícara (chá) de chá de erva-doce.

Lanche da manhã

1 iogurte light com 1 colher (sopa) de aveia em flocos. Almoço - 1 prato (raso) de alface com tomate + 1 bife grelhado + 2 colheres (sopa) de purê de batata. Lanche da tarde - 1 copo de suco de melão.

Jantar

1 prato (raso) de salada de repolho cortado em tiras finas com 1 colher (sobremesa) de maionese light, 2 fatias de peito de peru cortado em tiras + 1/2 beterraba ralada e 1 colher (sopa) de maçã picada + 1 fatia de melão (sobremesa).

Ceia - 1 xícara (chá) de chá de hortelã.

Terça-feira

Café da manhã

1 copo de suco de laranja + 2 torradas com 2 colheres (chá) de cream cheese light + 1 xícara (chá) de chá de camomila.

Lanche da manhã

1 queijo tipo polenguinho light.

Almoço

2 colheres (sopa) de arroz integral + 100 g de frango em cubos grelhado com molho shoyu, pimentão verde, cebola picadinha e salsa.

Lanche da tarde

1 copo de suco de caju. Jantar - 2 colheres (sopa) de arroz com brócolis + 2 fatias de carne assada + 1 tomate + 1 tangerina (sobremesa). Ceia - 1 xícara (chá) de chá de erva-cidreira

Quarta-feira

Café da manhã

1 taça de morangos com 1 colher (sopa) de iogurte natural desnatado e 1 colher (sopa) de farelo de aveia + 1 xícara (chá) de chá-verde.

Lanche da manhã

3 biscoitos integrais.

Almoço

1 file de peixe grelhado + 3 colheres (sopa) de creme de espinafre + 2 colheres (sopa) de arroz.

Lanche da tarde

1 copo de limonada com adoçante.

Jantar

1 prato (fundo) de sopa de legumes + 1 taça de morangos (sobremesa). Ceia - 1 xícara (chá) de chá de frutas vermelhas.

Quinta-feira

Café da manhã

1 copo de suco de caju + 1 fatia de pão integral com 1 fatia de queijo branco.

Lanche da manhã

1 barra de cereais light

Almoço

1 prato (raso) de folhas verdes com cenoura ralada + 2 colheres (sopa) de purê de batata + 3 almôndegas ao sugo.

Lanche da tarde

1 copo de suco de laranja com acerola.

Jantar

Sanduíche natural (1 pão sírio, 2 colheres (chá) de requeijão light, 1/2 pepino ralado, 2 colheres (sopa) de frango desfiado e 1/2 cenoura ralada) + 1 goiaba (sobremesa). Ceia - 1 xícara (chá) de chá de camomila

Sexta-feira

Café da manhã - 1 xícara (chá) de leite desnatado com café + 1 fatia de bolo de laranja.

Lanche da manhã

1 copo de suco de morango.

Almoço

1 filé de frango grelhado + 4 batatas- bolinha cozidas com azeite e orégano + 2 colheres (sopa) de couve refogada.

Lanche da tarde

1 iogurte de frutas vermelhas light. Jantar - 1 prato (fundo) de canja de galinha com arroz + 1 kiwi (sobremesa). Ceia - 1 xícara (chá) de chá de hortelã

Sábado

Café da manhã

1 copo de suco de laranja + 1 pão francês sem miolo com 2 colheres (chá) de margarina. Lanche da manhã - 1 tangerina

Almoço

100 g de macarrão com brócolis + 1 file de frango grelhado.

Lanche da tarde

50 g de frutas secas variadas

Jantar

Salada de folhas à vontade + 1 tomate cru recheado com atum e ricota + 1 rodela média de abacaxi (sobremesa). Ceia - 1 xícara de chá de frutas vermelhas.

Domingo

Café da manhã

1 copo de vitamina de morango com leite desnatado + 2 torradas com queijo cottage.

Lanche da manhã

1 barrinha de cereal light. Almoço - 1 bife grelhado + 3 colheres (sopa) de polenta à parmegiana.

Lanche da tarde

1 copo de suco de goiaba.

Jantar - 1 sanduíche ( 2 fatias de pão integral com atum, folhas de alface e tomate + 1 copo de água-de-coco. Ceia - 1 xícara (chá) de chá de erva-cidreira.

Ceia

1 xícara (chá) de chá de erva-cidreira


Fonte: M de Mulher Abril uol