16.7.10

Anomalia de ser bípede

Essa matéria chegou na hora certa. Amanheci, na segunda-feira passada, com uma baita dor na lombar.
Li essa matéria que tem super dicas pra quem como eu, sofre constantemente com essas dores.


Cá entre nós: somos uma espécie estranha. Entre outras características bizarras, que bicho que você conhece que ande o tempo todo utilizando apenas as patas de trás? Ser bípede é quase uma anomalia da natureza.

O preço desta distinção foi o aumento da carga sobre os ossos e articulações vertebrais: o que era para ser uma haste apoiada em quatro pernas, virou uma coluna precariamente equilibrada. Atualmente, a dor nas costas (ou lombalgia) é o segundo distúrbio neurológico mais comum do mundo. Se você é mais uma vítima da lombalgia, guarde estas dicas para consulta ou uso imediato:

PROCURE SEU MÉDICO DE CONFIANÇA

Este é o primeiro passo. Quer dizer, o primeiro passo é conseguir levantar da cama. Ir até o médico, na verdade, é o segundo passo. Apenas um médico está capacitado para determinar a causa da lombalgia e indicar o tratamento mais adequado.

REPOUSE

O melhor que você pode fazer pelas suas costas machucadas é retirar a carga de peso que elas carregam dia após dia. Mas não é preciso pedir o divórcio ou deixar as crianças na casa da sua sogra pelo resto da vida – apesar disso poder parecer tentador em alguns casos.

Uma solução mais simples é deitar-se com a barriga para cima e colocar um ou dois travesseiros atrás dos joelhos, mantendo as pernas levemente flexionadas. Isto alivia a tensão na região lombar. O mesmo efeito pode ser obtido deitando-se de lado, com um travesseiro entre os joelhos.

Para preservar a flexibilidade das suas costas, levante-se de hora em hora e dê alguns passos pela casa, mas cuidado para não assustar as visitas com aquela postura de Corcunda de Notre Dame.

Ah, sim: e não adianta ter pressa. Mesmo com o tratamento correto e todo repouso do mundo, você levará no mínimo uns 2 dias para ficar em condição de jogo. Algumas pessoas podem levar até 3 semanas para melhorar completamente.

ÁGUA FRIA E ÁGUA MORNA
Não tenho notícia de estudos científicos avaliando o papel das compressas no tratamento das crises de lombalgia. Mas quem quer que já tenha passado por este suplício é capaz de afirmar que estas compressas funcionam, sim, e são um santo remédio na hora em que o “bicho pega”.

Assim que você sentir a dor, aplique uma compressa gelada sobre o local. Mantenha a compressa por 20 minutos, repetindo o procedimento várias vezes ao dia. Após dois dias, você deve passar para compressas aquecidas, que aliviam a contratura muscular e favorecem o fluxo sangüíneo no local.

Banhos mornos também funcionam. Só não recomendo que você durma sobre sua compressa morna, devido ao risco de queimadura.

EVITE, EVITE, EVITE

O cartão de crédito da teimosia se chama sofrimento. Quanto mais teimosos, mais sofremos. Por isso, levante suas pálpebras e enxergue o óbvio: você tem que se cuidar melhor. Corrija sua postura a cada 30 segundos.

Se você fuma, largue o cigarro: o fumo reduz o fluxo sangüíneo para a coluna lombossacra, aumentando o risco de degeneração das superfícies articulares e desenvolvimento de dor ciática e hérnia de disco.

Espreguice bastante antes de levantar pela manhã. Use sapatos confortáveis durante o dia (com salto de no máximo 1-2 cm) e evite colchões excessivamente macios à noite. Não faça exercícios de fortalecimento sem o acompanhamento de um profissional capacitado. Alongue antes e depois de qualquer atividade física.

E se você não se chama Bruce Banner, não adianta querer virar o Incrível Hulk e empurrar aquela mesa de granito ou levantar 15 caixas de mudança sem ajuda. Existem outros 6 bilhões de seres humanos neste planeta. Deve haver 1 disposto a lhe dar uma mão.



Nenhum comentário:

Postar um comentário